Cuidados na reabilitação oral com próteses

Cuidados na reabilitação oral com próteses

Category : Artigos

Conheça os cuidados na reabilitação oral com próteses

O uso de próteses inadequadas pode acabar provocando impactos negativos na vida do paciente, tanto na saúde como esteticamente. Nesses casos, é necessária a reabilitação oral com próteses, que consiste basicamente em recuperar a saúde bucal do paciente levando em conta: mastigação, estética e saúde. Para isso, deve-se tratar possíveis infecções e evitar problemas na mandíbula e maxilar.

A reabilitação estética e funcional normalmente exige conceitos multidisciplinares na hora de implantar as próteses fixas. São necessários conceitos e técnicas de prótese dentária, periodontia (gengiva), endodontia (canal), dentística (restaurações), implantodontia (implantes), e estética.

Em alguns casos também é possível fazer a restauração de dentes naturais em bom estado. A Implantodontia aliada ao uso da osseointegração tem se mostrado eficaz, com resultados satisfatórios.

Depois de realizar um raio-X panorâmico, pode-se observar que alguns pacientes não apresentam o volume ósseo necessário para que se possa colocar implantes. Nesses casos, a crista óssea residual é preenchida e aumentada com enxertos ósseos.

As falhas ósseas da arcada antesuperior podem ser reconstruídas com osso autógeno monocortical em blocos. Já no caso da arcada posterossuperior, o aumento da altura vertical foi feita com a elevação do assoalho do seio maxilar.

Quando a reabilitação é feita em um paciente edêntulo, a oclusão do mesmo deve ser estudada com detalhes, para que assim se alcance uma compreensão dos fatores biológicos que a afetam.

Algumas vezes, a linha oclusal de alguma região dentária é mais alta que a linha dos dentes. Isso é uma característica comum em pacientes que usam prótese móvel parcial. O problema é que a linha natural dos dentes é alterada, o que leva a curvatura do lábio.

Em alguns casos, a reabilitação bucal também é necessária. A orientação do plano bucal também precisa ser restabelecida. A obtenção de uma oclusão bem feita e protegida envolve a implementação de uma dimensão vertical de oclusão fisiológica.

Feito isso, as forças oclusais são transmitidas no sentido do longo eixo dos posteriores, com contato dentário adequado. Basicamente, os dentes posteriores preservam os anteriores por meio da oclusão cêntrica, e os dentes anteriores preservam os posteriores das forças horizontais.

Podemos dizer, portanto, que a reabilitação bucal feita por próteses fixas tem que levar em conta conhecimentos multidisciplinares e ser realizado com muitos fundamentos para se chegar à um resultado satisfatório.

O efeito conquistado deve envolver um conjunto de resultados estéticos, funcionais e saudáveis.

 

FONTE: biomacmed.com.br

Nossas redes sociais:

fb.com/iomodontologia

(11) 98445.0119

IOM Instituto Odontológico Mogiano


Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

O que você procura ?